1903: Orwell

¥4,400

Dados da Edição

  • Capa: Capa dura
  • Autor: Pierre Christin
  • Número de páginas: 160 páginas
  • Editora: Darkside Books
  • Dimensões do produto :  21.2 x 1.2 x 27.6 cm
  • Idioma: Português

Fora de estoque

Descrição

Embora o inglês George Orwell seja conhecido sobretudo por ter escrito dois clássicos da literatura, 1984 e A Revolução dos Bichos, a história de sua vida também é digna de uma grande narrativa. É essa a proposta de 1903: Orwell, biografia em quadrinhos roteirizada por Pierre Christin e desenhada por Sébastien Verdier, artista que também ilustra a edição de 1984 da DarkSide® Books.

 

George Orwell nasceu em Motihari, na Índia, no ano de 1903, como Eric Arthur Blair, mas ainda bebê mudou-se com a mãe para o interior da Inglaterra. No começo da juventude, estudou no prestigioso Eton College, colégio de elite onde foi aluno de Aldous Huxley. Mais tarde, viveu em vários países, e de formas diversas. Foi policial na Birmânia, cozinheiro em Paris, mendigo em Londres, acompanhou operários das minas de carvão em Wigan Pier, no norte da Inglaterra, e adotou o pseudônimo George Orwell para assinar as obras inspiradas em sua experiência de vida singular.

 

Durante a Guerra Civil Espanhola, entrou no campo de batalha contra os fascistas na Catalunha e quase morreu após levar um tiro na garganta; durante a Segunda Guerra Mundial, não conseguiu se alistar como soldado, e permaneceu em Londres, onde presenciou diversos bombardeios perpetrados pelos nazistas; sofreu terrivelmente com os sintomas da tuberculose. Enquanto fazia isso tudo, escreveu inúmeros ensaios, artigos, cartas, memórias, e obras ficcionais, que, em conjunto, compõem uma crítica feroz da sociedade de sua época e definem toda uma mentalidade política.

 

Para dar conta de narrar em quadrinhos uma história tão rica e complexa, o roteirista Pierre Christin e o artista visual Sébastien Verdier se munem de uma gigantesca pesquisa histórica e literária a respeito da obra do biografado. Assim, eles mergulharam em cartas, ensaios, diários, artigos, notícias, relatos históricos, fotografias, filmes, e principalmente na obra orwelliana, para reconstituírem não apenas os fatos mais conhecidos de sua vida e época, como também detalhes mais intimistas que o aproximam de qualquer um de nós.

 

Em 1903: Orwell, além dos grandes feitos do autor, descobrimos também sua afinidade pela jardinagem, seu apreço pelos pubs, a adoção do filho e as condições em que escreveu alguns de seus livros. Vários desses momentos são recheados por citações do próprio biografado, como afirma Christin no posfácio: “Por não querer parafrasear o texto de Orwell, eu o incluí sob a forma de texto datilografado sempre que possível”.

 

A obra conta também com ilustrações de convidados de peso: Juanjo Guarnido, Enki Bilal, Manu Larcenet, Blutch e André Juillard. Esse retrato íntimo e definitivo de um dos maiores escritores de todos os tempos é o complemento perfeito para amplificar a experiência de leitura do clássico 1984, que também está sendo lançado em uma edição primorosa com os olhos atentos da DarkSide® Books.

Avaliações

Não há avaliações ainda.

Seja o primeiro a avaliar “1903: Orwell”

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *